skip to Main Content
Simples Nacional Para Transporte De Cargas – Pague Menos Impostos

Simples Nacional para transporte de cargas – Pague menos impostos

Conheça o regime tributário Simples Nacional para transporte de cargas e descubra como a sua empresa pode garantir o mínimo de impostos!

O Simples Nacional para transporte de cargas é o enquadramento tributário mais dinâmico para o recolhimento dos seus impostos, contudo, veremos, hoje, como o seu negócio pode se beneficiar desse regime de tributação.

Dentre as opções de regime tributário, sendo elas:

  • o Lucro Real;
  • o Lucro Presumido; e
  • o próprio Simples Nacional.

Sem contar o Lucro Arbitrado, que na verdade é uma determinação da Receita Federal às empresas que não conseguem apresentar o seu desempenho financeiro, seja por ocorrência de uma fatalidade ou resultado de fraude; A alternativa mais simples se mantém com o regime de tributação que iremos explicar melhor nessa postagem. Confira.

O que é o Simples Nacional e como ele pode ser proveitoso para a minha empresa de transporte de cargas?

O Simples Nacional, assim o nome já nos sugere, é um regime de tributação criado com o conceito de simplificar o recolhimento de impostos de pequenas e microempresas que possuem um faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

Desta forma, para que seja realizado tal recolhimento das suas tributações, de maneira realmente Simples, é gerada uma guia única de arrecadação de impostos – que é o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) – contemplando todas as contribuições mensais necessárias ao Fisco em um único documento, o que é bem diferente dos outros regimes de tributação, onde os impostos são recolhidos separadamente.

Outro grande benefício, além da facilidade de gestão, é a economia gerada por esse regime de tributação para os donos de transportadoras.

Ao final das contas, dependendo do seu faturamento, a porcentagem total de impostos a serem recolhidos da sua transportadora podem ser muito mais vantajosos do que as outras opções do mercado.

Contudo, todos esses benefícios possuem as suas restrições, até porque o intuito do Simples é incentivar a sua empresa a crescer no mercado e gerar maiores contribuições ao Fisco, o que te obriga ao enquadramento em regimes de tributação com maior limite de faturamento. Conheça algumas das restrições do Simples Nacional para transportadoras de cargas…

Restrições do Simples Nacional para transportadoras de cargas

Dentre as restrições e vedações do Simples Nacional, estão:

  • O titular da empresa não pode possuir participação no capital de outras empresa;
  • A empresa não pode ser filial com sede no exterior;
  • A empresa ter ultrapassado o limite da faturamento de R$ 4,8 milhões no ano-calendário em curso;
  • A empresa não pode ser constituída como sociedade por ações;
  • Não pode possuir sócio domiciliado no exterior;
  • Entre outras.

Para saber mais, você pode entrar em contato com de nossos consultores especialistas em contabilidade para empresas para transportadoras de cargas.

Nós da Arabescos faremos as análises necessárias para encontrar o enquadramento tributário ideal para a sua empresa prestadora de serviços de transporte intermunicipal ou interestadual de cargas, a fim de gerar o mínimo de impostos para a sua empresa.

Estamos no aguardo do seu contato para transformar a realidade do seu negócio!

Acesse nosso Facebook: @contabilarabescos

#contabilidadeemipiranga #contabilidadeparatransportadoras #arabescoscontabilidade #simplesnacional

  

Em caso de dúvidas, entre em contato com a Arabescos! Somos uma contabilidade para transportadoras no Ipiranga – SP.

Siga-nos no Facebook: @contabilarabescos

Sucesso e até a próxima!

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top