skip to Main Content
Tabelamento De Frete é Uma Prática Legal?

Tabelamento de frete é uma prática legal?

Fazer um tabelamento de frete não é algo fácil e implica diretamente sobre os lucros e gastos de uma empresa. Calcular o preço que será cobrado pelo translado de um produto é algo crucial. Um preço muito alto pode fazer o cliente desistir ou tornar o produto menos competitivo. Um preço baixo, no entanto, pode trazer prejuízos diretos ao bolso do empresário, o que, também, acaba por impactar o desempenho da empresa.

Mais do que resultar no lucro e no gasto, o tabelamento de frete bem feito acaba por determinar a forma que a empresa se estabelece no mercado. Como, então, lidar com as mudanças ocasionadas pela greve de caminhoneiros de 2018?  

O que aconteceu na greve de caminhoneiros de 2018

Em 2018 foi instaurada a Lei 13.703, uma reivindicação dos caminhoneiros. Essa lei, de certa forma, estipula um tabelamento de frete, mas apenas em períodos de preços instáveis do diesel (oscilação maior que 10% nos preços). A lei especifica que o preço do frete tem de ser calculado seguindo normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e deve levar em conta:

  • Preço do combustível
  • Preço do pedágio
  • Manutenção dos veículos
  • Salário do motorista
  • Tipo de veículo

Essas são apenas algumas das variáveis do tabelamento de frete, existem outras. Desde 2018, então, a ABNT vem soltando, recorrente, tabelas que devem ser cumpridas. Seguir todas essas especificações acaba por encarecer o processo de transporte. Em 2019, por exemplo, e empresa JBS (uma das maiores do Brasil) reportou a compra de 360 novos caminhões para se enquadrar nas novas normas.

Confira Nossas Especialidades

O que fazer para melhorar o tabelamento de frete

O tabelamento de frete dificilmente tornará os dispêndios de um empresário menores. As novas normas acabaram por encarecer o processo. O empresário, então, ou repassa o preço para os consumidores (deixando seu produto mais caro e menos atraente) ou admite a diferença nova. 

Mas existem formas de, pelo menos, diminuir o custo e aproveitar melhor o tabelamento de frete. Investir em inteligência de logística é uma dessas formas. Uma boa logística tornará a distribuição de produtos mais barata. Pensar bem como será esse sistema é algo que acaba por gerar retorno. 

A logística de transporte leva em conta coisas como o melhor modal de transporte. Com o novo tabelamento, fugir para meios de transporte alternativos (como ferrovia ou hidrovia) pode ser uma opção. 

Além do modal, a logística leva  em conta também o tempo que o produto passará estocado. Apesar de não ter nada a ver diretamente com o tabelamento de frete, essa variável também influencia no preço do produto e pode diminuir o impacto do tabelamento no produto. 

Além da logística, a contabilidade também pode ser uma arma contra o encarecimento de preços. A contabilidade ajuda na verificação das normas. Calcular o preço do combustível e dos pedágios antes de fazer uma viagem ajuda a verificar se uma transação realmente compensará. 

Sendo assim, saiba que nosso escritório pode te ajudar! Vamos colocar todos os custos “na ponta do lápis” e impedir que você perca dinheiro. Venha conhecer nossos site!

Em caso de dúvidas, entre em contato com a Arabescos! Somos uma contabilidade para transportadoras no Ipiranga – SP.

Siga-nos no Facebook: @contabilarabescos

Sucesso e até a próxima!

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Summary
Tabelamento de frete é uma prática legal?
Article Name
Tabelamento de frete é uma prática legal?
Description
Fazer um tabelamento de frete não é algo fácil e implica diretamente sobre os lucros e gastos de uma empresa. Calcular o preço que será cobrado pelo translado de um produto é algo crucial. Um preço muito alto pode fazer o cliente desistir ou tornar o produto menos competitivo. Um preço baixo, no entanto, pode trazer prejuízos diretos ao bolso do empresário, o que, também, acaba por impactar o desempenho da empresa.
Author
Publisher Name
Arabescos
Publisher Logo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top